PARTICIPE DE NOSSAS AÇÕES TRANFORME E SUA CONTRIBUIÇÃO EM UMA AÇÃO SOCIAL - DOE QUALQUER VALOR

CONTRIBUA: 9314 ITAU - 08341 2 NUMERO DA CONTA CORRENTE - deposite qualquer valor

FAÇA UM GESTO DE CARINHO E GENEROSIDADE DEPOSITE EM NOSSA CONTA CORRENTE ITAU AG; 9314 C/C 08341 2

CONTRIBUA QUALQUER VALOR PAG SEGURO UOL OU PELA AG: 9314 CONTA 08341 2 BANCO ITAU

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Bolsa de estudos aumenta possibilidades para negros na carreira diplomática


 
Bolsa de estudos aumenta possibilidades
para negros na carreira diplomática
 
Inscrições no site do Cespe/UNB, entre 8 e 29/10, com taxa de R$ 86. SEPPIR, SDH e FCP participam da seleção feita pelo Instituto Rio Branco do MRE para subsidiar estudantes negros(as) com bolsas no valor de R$ 25 mil
 
 
O Instituto Rio Branco, do Ministério das Relações Exteriores (MRE), e o Conselho Nacional do Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), abriram as inscrições de 2012 para bolsas de estudos direcionadas a pessoas negras. O programa é voltado para a carreira diplomática do Itamaraty e visa aumentar a possibilidade da diversidade étnica na ocupação desses cargos.
 
As inscrições podem ser feitas no site do Cespe/UNB, entre os dias 8 e 29/10, mediante o pagamento da taxa de R$ 86 reais, por candidatos que tenham concluído ou irão concluir o curso superior até o final de 2013.
 
A iniciativa faz parte do Programa de Ações Afirmativas do Instituto Rio Branco - Bolsa Prêmio de Vocação para a Diplomacia que, desde 2002 investe na capacitação de candidatos negros à carreira de diplomata, através de bolsas de estudos no valor de R$ 25 mil, com duração de dez meses. O investimento deve ser usado para custear cursos preparatórios e aquisição de material didático que os auxiliem no Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata.
 
Na primeira etapa os candidatos participarão de prova sobre os conteúdos de língua inglesa, portuguesa, história do Brasil e noções de política internacional, que serão aplicadas pelo Cespe/UNB em Brasília e em outras nove cidades do país.
 
A segunda etapa da seleção conta com a participação das secretarias de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR) e dos Direitos Humanos (SDH), e da Fundação Cultural Palmares (FCP). Nessa fase, realizada exclusivamente em Brasília, os selecionados que necessitarem receberão passagens aéreas de ida e volta e ajuda de custo para deslocamento.
 
 
 

MIDIAS SOCIAIS COMPARTILHA...

Gostou? Compartilhe !!!
Ocorreu um erro neste gadget

Postagens populares

visitantes diariamente na REDE MANDACARURN