PARTICIPE DE NOSSAS AÇÕES TRANFORME E SUA CONTRIBUIÇÃO EM UMA AÇÃO SOCIAL - DOE QUALQUER VALOR

CONTRIBUA: 9314 ITAU - 08341 2 NUMERO DA CONTA CORRENTE - deposite qualquer valor

FAÇA UM GESTO DE CARINHO E GENEROSIDADE DEPOSITE EM NOSSA CONTA CORRENTE ITAU AG; 9314 C/C 08341 2

CONTRIBUA QUALQUER VALOR PAG SEGURO UOL OU PELA AG: 9314 CONTA 08341 2 BANCO ITAU

quarta-feira, 14 de março de 2012

RN terá incentivos para montar Rede Cegonha

RN terá incentivos para montar Rede Cegonha

A inclusão do Hospital da Mulher no programa de proteção às gestantes e aos bebês criado pelo governo federal para reduzir as altas taxas de mortalidade materna e infantil foi tema de audiência do líder do PMDB na Câmara, deputado Henrique Alves com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, segundo compromisso assumido pelo parlamentar na semana passada em Mossoró. Na audiência com  Padilha e a governadora Rosalba Ciarlini foram definidos os detalhes do programa do governo federal que no Rio Grande do Norte será chamado de Mãe Potiguar. A Rede Cegonha no RN será lançada pelo ministro em abril.

O programa de assistência materno-infantil do governo federal vai destinar mais recursos do Sistema Único para os hospitais infantis e maternidades. O Hospital da Mulher de Mossoró, inaugurado na semana passada, também terá os leitos de UTI incluídos na rede do Ministério da Saúde.

Durante a audiência, com a presença do ministro Garibaldi Filho, da Previdência Social e do deputado estadual, Leonardo Nogueira, o ministro Alexandre Padilha ainda se comprometeu em equipar a Unidade de Ponto Atendimento do bairro Belo Horizonte, em Mossoró, no valor de R$ 2 milhões. O município já investiu R$ 3 milhões na obra.

O líder do PMDB  também tratou da liberação de um convênio de R$ 400 mil para reforma do Centro de Controle de Zoonozes de Natal. Outros R$ 4 milhões serão liberados para a prefeitura construir  a UPA da Cidade da Esperança, na zona Oeste da Capital.

 Na mesma audiência a reitora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Ângela Cruz e o diretor do Nuplam, Carlos Lima, apresentaram ao ministro a disponibilidade para produção do medicamento Olanzanpina. O genérico, desenvolvido na ilha de Malta, usado no tratamento da esquizofrenia será industrializado através de um programa de transferência de tecnologia.

A Rede Cegonha é uma estratégia inovadora do Ministério da Saúde que visa implementar uma rede de cuidados para assegurar às mulheres o direito ao planejamento reprodutivo e a atenção humanizada à gravidez, ao parto e ao puerpério e às crianças o direito ao nascimento seguro e ao crescimento e ao desenvolvimento saudáveis. 

MIDIAS SOCIAIS COMPARTILHA...

Gostou? Compartilhe !!!
Ocorreu um erro neste gadget

Postagens populares

visitantes diariamente na REDE MANDACARURN